4 estudos científicos que vão ajudar a melhorar a sua produtividade nas vendas

Nov 26, 2014

Na Sucesso em Vendas falamos muito sobre produtividade em vendas. Afinal de contas, esse tem sido o nosso foco nos últimos anos: ajudar a tornar as equipas de vendas mais produtivas!

Para isso nós acreditamos muito na criação de métodos de vendas e sabemos que essa é a melhor “receita” para o sucesso. Mas além de um método, o vendedor também precisa de saber organizar o seu dia e manter o foco.

Para o ajudar a ser mais produtivo, trazemos aqui 4 estudos que vão impulsionar a sua produtividade em vendas de uma vez por todas.

Vamos à lista:

1. Comece!

Estudos liderados por Janet Polivy confirmaram que o nosso cérebro evita projetos grandes e trabalhosos. Segundos esses mesmos estudos, o nosso cérebro prefere projetos mais rápidos/curto prazo e que o maior bloqueio para a realização de projetos maiores é o começo.

Provavelmente também já sentiu isso no seu dia-a-dia! Adia o começo de algo de forma constante…

O melhor a fazer nessas situações é seguir a regra dos 2 minutos. Quando não quiser começar algo, diga para você mesmo que vai fazê-lo apenas durante 2 minutos. Verá que, após esses 2 minutos, continuar essa tarefa será muito mais fácil.

2. Seja disciplinado

Segundo o estudo Anders Ericsson, existem 2 fatores que levam ao sucesso. O primeiro é a quantidade de horas de prática. Se praticar mais do que a concorrência maiores são as suas hipóteses de sucesso. Mas não é apenas isso que leva os profissionais ao sucesso.

O que Ericsson também concluiu, é que é tão importante o número de horas como a dificuldade das tarefas. Não adianta trabalhar muitas horas com uma exigência média. No estudo que ele fez com violinistas, chegou à conclusão que os melhores tinham trabalhado toda a vida de forma mais focada e disciplinada que os restantes.

3. Menos reuniões

As reuniões podem custar muito caro à sua empresa. Pelo menos foi isso que concluiu o estudo realizado por Steven Rogelberg. Este investigador juntou 195 empresas e calculou quanto tempo eles perdiam em reuniões.

No final, o saldo foi negativo: se todas as empresas dos Estados Unidos tivessem os mesmos hábitos destas 195 empresas, a economia norte-americana estaria a perder 37 biliões de dólares todos os anos.

Para Rogelberg, o principal fator que afetava a produtividade eram…os atrasos! Em 37% das reuniões, pelo menos uma pessoa chegava mais do que 5 minutos atrasada.

A solução para resolver esse problema é bastante simples: se quiser que a sua empresa aproveite melhor as reuniões, faça com que todos cheguem a horas!

4. Durma depois do almoço!

Dormir depois do almoço melhora a produtividade. E este é um dado adquirido, visto que existem várias centenas de estudos que comprovam isso mesmo.

Esse benefício surge porque as nossas memórias de curto prazo (as que foram adquiridas há pouco tempo) ficam guardadas no hipocampo. Mas esse hipocampo é bastante frágil e pode apagar essas mesmas memórias. Para que elas fiquem guardadas de uma forma mais “segura”, essa informação deve ficar guardada no neocórtex.

Quando dorme uma sesta, a informação que está no hipocampo é passada para o neocórtex, o que além de garantir maior segurança à informação, ainda evita o stress do hipocampo pelo excesso de informação.

Obviamente, terá que adaptar esta realidade ao seu dia-a-dia. Se não for possível na semana de trabalho fazer isto, tente adaptar esta rotina durante o fim-de-semana, por exemplo.

E você, o que faz para ser mais produtivo no dia-a-dia?

Boa semana,

Equipa

Equipa

Sucesso em Vendas

INTERESSADO EM MELHORAR AS SUAS VENDAS?

Preencha o formulário e a nossa equipa entrará em contacto.

0 Comments