“Estes processos (coaching) são muitas vezes uma forma de “acordarmos”, percebermos o que corre menos bem, e de alguma forma corrigir. São também uma boa forma de obter algum feedback, que de outra forma dificilmente acontece.
Recomendaria sempre um processo de coaching, não só a um amigo mas a qualquer pessoa. Todos precisamos de perceber o que estamos a fazer menos bem e receber feedback, só assim é possível melhorar.”

Rui Martins F. - Responsável de Vendas