5 estratégias para falar como um líder

Jul 17, 2013

Não existe um líder sem uma comunicação eficaz. Por mais capacidade de liderança que um profissional possa ter, a forma como ele transmite as ideias às pessoas que trabalham consigo é essencial. Porém, muitos profissionais deixam esta questão de lado e vêem a comunicação como algo secundário, e isso acaba por trazer graves problemas dentro da sua equipa. Mas para ajudá-lo, hoje trazemos um texto que partilha consigo dicas de como melhorar a sua comunicação e assim conseguir interagir de forma eficaz com que trabalha consigo, mas antes de passar às próximas linhas, dê uma olhada em alguns destes posts sobre liderança:

1. A linguagem da liderança é diferente

Falar como um líder não é mesmo que comunicar como se fosse um sócio ou um trabalhador da empresa. O líder necessita de explicar corretamente os seus pontos de vista, necessita de saber motivar em momentos adversos ou até de repreender em situações que a sua equipa está a ter uma má performance. Isso não acontece com uma linguagem agradável e amigável. Na próxima vez que for falar, escolha bem as suas palavras e intensifique o discurso.

2. Saiba o que vai falar

Muitos líderes não sabem o que dizer porque eles não sabem o que querem! Antes de transmitir algo à sua equipa pense: “Qual o objetivo da minha mensagem?”. Se a sua motivação é mudar algo ou ajudar a sua equipa, tem aí uma forma de começar a organizar as suas ideias. Se por outro lado é uma motivação pessoal e quer falar apenas por falar, o melhor é esperar por um momento melhor para fazê-lo.

3. Tenha cuidado com o “mas”

O “mas” é uma expressão muito utilizada mas que descredibiliza o seu orador. “Adorei a vossa ideia mas…” é o mesmo que dizer “percebi o que vocês querem mas vamos fazer à minha maneira”. Isso acaba por questionar a sinceridade do “adorei” que está no início da frase. Nessas situações opte por uma mensagem mais construtiva. Pondere agarrar em dois pontos positivos. “Adorei a vossa ideia e penso que ela poderá ser um excelente impulso para o que precisamos. O que acham que poderíamos fazer para melhorar ainda mais a vossa ideia?”. É certo que em muitos casos nem é possível aproveitar aquilo que foi feito pela sua equipa, e nesses momentos o melhor é mesmo dizer “não” e ponto final.

4. Cuidado com os elogios

Muitos líderes gostam de utilizar adjetivos tais como “espetacular”, “fantástico” ou “único”, referindo-se assim a algumas ideias das pessoas que trabalham consigo. Apesar desse hábito motivar a equipa nos primeiros momentos, a verdade é que a credibilidade do líder acaba por cair no abismo ao longo do tempo. Depois, cada vez que você utilizar alguns dos adjetivos acima, eles não terão o impacto que realmente devem ter. Opte por palavras ou expressões mais comuns como “muito bom” ou “bem visto” e deixe adjetivos fortes para situações excepcionais.

5. Seja claro

Os líderes têm de ser convincentes quando falam, mas infelizmente muitos ainda gostam de utilizar redundâncias. “O que estou a falar é algo parecido com” ou então “Isto é semelhante a” são alguns exemplos de redundâncias que impedem que o líder vá direto ao assunto, transmitindo a ideia de forma clara. Fale de um objeto como ele é, nada mais. Até já!

Equipa

Equipa

Sucesso em Vendas

INTERESSADO EM MELHORAR AS SUAS VENDAS?

Preencha o formulário e a nossa equipa entrará em contacto.

0 Comments